Mara Luquet Rede Globo

Entrevista concedida pela jornalista de economia da Rede Globo, Mara Luquet, ao PME NEWS - Tema: "Finanças"

PME NEWS – Para um pequeno empresário que não possui uma boa gestão financeira e acaba misturando as finanças da empresa com as pessoais. Como é possível conciliar essa situação?

Mara Luquet

Vá separando aos poucos. Coloque uma meta para cada mês, por exemplo. Mas seja rigoroso. Cumpra essa meta. Não deixe que esta situação persista por mais tempo. Coloque um prazo para que as duas contas sejam completamente separadas porque esta confusão de contas é uma armadilha financeira tanto para o empresário como para a empresa.

PME NEWS – Quais as vantagens e riscos do uso da moeda virtual, o Bitcoin?

Mara Luquet

Eu só vejo riscos. Para mim os mesmos riscos de qualquer movimento especulativo.
Os economistas dizem que o mercado de câmbio foi criado para humilhá-los, ou seja, mesmo aqueles que estão no dia a dia dos dados econômicos acham extremamente difícil investir em moedas. E olha que estamos falando em moedas reais, você imagina no caso de moedas virtuais. Eu realmente não enxergo os Bitcoins como investimento, até porque nem são regulados pela Comissão de Valores Mobiliários.

PME NEWS –  A partir de qual idade deve-se contribuir com o teto máximo da previdência para se aposentar aos 65 anos?

Mara Luquet

A conta do beneficio é feita com base na média de 80% das maiores contribuições. Portanto não faz sentido pensar na idade e sim no total de suas contribuições. A menos que se aposente por tempo de contribuição e não por idade, mas aí sofrerá redução por conta da incidência do fator previdenciário.

PME NEWS – Para um profissional em inicio de carreira que quer se planejar financeiramente. Onde deve investir?

Mara Luquet

O importante é saber onde investir e quando vai resgatar? O prazo do investimento é fundamental para se decidir qual a melhor aplicação. Lembrando que aplicações de curto prazo devem ser muito conservadoras, concentradas em renda fixa. Neste caso, títulos públicos de curto prazo e caderneta de poupança são alternativas muito recomendadas. Os fundos de renda fixa também podem ser uma alternativa, mas costumam custar muito caro (taxas de administração extremamente altas) para pequenas aplicações.

Já para investimentos de longo prazo, acima de cinco anos, vale a pena conhecer o mercado de ações. Os analistas são unânimes em dizer que uma carteira de longo prazo deve contemplar uma fatia em ações. 

PME NEWS – Para uma empresa que está com o CNPJ comprometido. Há alguma restrição para se pegar um empréstimo bancário?

Mara Luquet

Segundo o Banco Central, não existe nenhuma resolução que impeça o financiamento para um indivíduo com nome no cadastro de inadimplente. Essa decisão cabe ao próprio banco.

Por isso, depende da negociação com o banco. Uma alternativa é oferecer uma garantia ou um fiador para tentar levantar esses recursos.  Uma sugestão seria da empresa renegociar com os fornecedores.

Agora um ponto importante é reavaliar os custos para os meses de movimento mais fraco. A empresa não pode manter o mesmo padrão de gastos, se o movimento diminuiu. Não há financiamento que resolva este problema, ao contrário, será empurrado para uma armadilha financeira. 

veja também