Postado por: Sidney Cohen

Microfranquia

O "Startup" das Franquias


Sidney Cohen
Palestrante.
CEO da Bit Partner Consultoria Empresarial.
CEO do PME NEWS.

 

As aceleradoras impulsionam as empresas em seu estágio inicial, conhecidas como startups. Para os novos empreendedores, com pouco capital, que querem investir em um novo negócio, a Microfranquia é uma ótima opção e tem nas Franquias, de forma indireta, o papel de aceleradoras que ajudarão a projetar o negócio do franqueado.

Seguem algumas dicas para ajudar o franqueado de “primeira viagem” a analisar bem esse modelo de franquias:

  • As Microfranquias já respondem por 5% do mercado brasileiro e 17% do total de franquias do país, segundo a ABF (Associação Brasileira de Franchising).
  • O limite de investimento para o capital inicial gira em torno de até 80 mil reais e o crescimento pode chegar a 30% no faturamento.
  • Assim como demais modelos de franquias, analise as informações do negócio, como por exemplo: capital de giro, taxa de franquia, royalties, dentre outros. Se possível, visite o escritório da Microfranquia, converse com demais franqueados quanto o grau de satisfação.
  • O gestor-franqueado precisa dedicar tempo e ter principalmente familiaridade com o setor que vai atuar. Por exemplo, negócio envolvendo tecnologia é importante o franqueado ter conhecimento no setor.
  • Identifique o modelo de treinamento aplicado pela franqueadora. A maioria das franquias oferece treinamento, a capacitação da equipe é de grande importância, principalmente na fase inicial do negócio.

 

 

TAGS : artigo , franquia , microfranquia , Sidney Cohen , blog , pme